sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

Heliar dá dicas para se trocar a bateria





Pensada para garantir a partida do motor e o funcionamento de componentes elétricos e eletrônicos do veículo, a bateria exige cuidados e precauções para o momento da troca. O alerta é do engenheiro de aplicações da Heliar, Marcos Randazzo. “As baterias  têm diferentes níveis de qualidade e especificações técnicas que precisam ser avaliados antes da compra”, comenta. Ele acrescenta que uma escolha incorreta pode comprometer o funcionamento de diferentes sistemas, como a partida.

Segundo Randazzo, as baterias são desenvolvidas com base no desempenho que elas terão para fazer o motor e os dispositivos funcionarem, mesmo com o veículo desligado. Por isso, o consumidor deve optar por um modelo que tenha a mesma capacidade de armazenagem de energia da original. Se a bateria instalada no veículo tem capacidade igual a 60 amperes/hora, deverá ser substituída por um produto com as mesmas especificações.

Outro cuidado é comparar o potencial de partida. Mesmo em baterias com capacidade de 60 amperes, o potencial de partida a frio (-18 graus) e a 25 graus indicado pelas siglas CCA ou CA, na ordem, podem ser diferentes de marca para marca. É aconselhável que, em ambos os casos, o potencial seja igual ou superior ao impresso no modelo original. Se o veículo for equipado com acessórios como som, alarme, vidros elétricos e GPS, deve-se ir até uma loja de confiança. Ao substituir a bateria esgotada, o consumidor também deve entregá-la à loja em que adquirir a nova para que seja feita reciclagem do material.

5 comentários:

Mastermix disse...

Olá, algo que não foi comentado é qual o prazo ideal para fazer a troca da bateria.
Valeu pela matéria

Bruno Freitas disse...

A Heliar informa que a bateria veicular tem durabilidade média entre 3 e 4 anos, mas que esse tempo depende de alguns fatores, entre os quais, os seguintes:

- Qualidade do produto

O ideal utilizar marca de confiança, porque o processo de produção obedece a normas internacionais, especialmente de qualidade e de meio ambiente;

- Utilização

Os veículos produzidos pelas montadoras utilizam baterias de qualidade e assim são mantidos enquanto o proprietário obeceder ao programa de revisões periódicas previstas pela fábrica.

Entretanto, há proprietários que não mantêm o programa de revisões periódicas após o encerramento do período de garantia e aceitam a instalar em seus veículos produtos sem o mesmo padrão, naturalmente, pelo fato de lhe serem oferecidos produtos de marcas que não seguem os procecimentos internacionais de padrão de qualidade. Naturalmente, como não se faz milagres, uma bateria genérica ou pirata não terá a mesma durabilidade de um produto original

Como informação adicional, a Heliar tem histórico de casos de durabilidade de baterias por mais de cinco e até oito anos, mas considera que a durabilidade depende muito da intensidade e da forma de utilização do veículo.
Em caso de persistir alguma dúvida, sinta-se à vontade para nos solicitar.

Mastermix disse...

Obrigado Bruno.

Anônimo disse...

Изумительная идея, как долго ожидать поступление нового материала и вообще стоит ждать ?

Anônimo disse...

Olá ,meu carro é um palio economy completo(DH,vidros e travas eletricos,ar,som de fabrica e alarme) ano 2009/2010 qual a amperagem da bateria ideal para ele?